Grandes parques tecnológicos são apresentados em evento no Plaza São Rafael Hotel

Os projetos de expansão desenvolvidos pelo Tecnosinos, Feevale Techpark e Tecnopuc foram apresentados na reunião-almoço da Câmara Brasil Alemanha no Plaza São Rafael Hotel, em Porto Alegre. O debate “Parques Tecnológicos: um sistema de inovação para o RS” contou com as presenças do diretor do Tecnosinos, Luís Felipe Maldaner, da gestora executiva da Feevale Techpark, Daniela Eckert, e do diretor do Tecnopuc, Rafael Prikladnick.

Segundo Maldaner, o projeto de crescimento do parque tecnológico terá novos espaços e vai possibilitar que as empresas possam desenvolver novas tecnologias. Com 20 anos de criação, o Tecnosinos possui hoje 104 empresas que empregam 5.600 pessoas. “Em 2018, vamos inaugurar um prédio de 11 andares com 99 salas”, explicou. Maldaner afirmou que mesmo com a crise dos últimos três anos no Brasil as empresas de tecnologia apresentaram crescimento. “Um exemplo, é a empresa alemã SAP, especializada em software, que possui hoje mil funcionários. Neste ano, ela contratou mais de 300 pessoas”, ressaltou. O Tecnosinos possui empresas brasileiras e estrangeiras de países como a Coreia do Sul, a Índia, o México, a Suécia e a Suíça.

Já Daniela Eckert, da Feevale Techpark, explicou que o parque foi criado em 2015 e conta hoje com 50 empresas que empregam 700 pessoas nas áreas de tecnologia da informação, ciências da saúde, biotecnologia, nanotecnologia e indústria criativa. “Um dos principais planos para os próximos anos é aproximar a Feevale com o parque tecnológico. Queremos ter uma presença física do Techpark dentro do campus da universidade”, destacou.

O diretor do Tecnopuc, Rafael Prikladnick, afirmou que o parque está estruturado com 130 empresas e 6,5 mil funcionários em uma área de 27 hectares. Prikladnick informou que a área construída é de 85 mil metros quadrados entre o campus Porto Alegre e Viamão, na Região Metropolitana. Empresas gaúchas, brasileiras e multinacionais atuam no parque.

Entre os projetos desenvolvidos pelo Tecnopuc para os próximos anos é ajudar a Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (Pucrs) a colocar o empreendedorismo dentro da universidade. Outra iniciativa é contribuir com Porto Alegre para que ela seja uma cidade empreendedora e inovadora, principalmente com o desenvolvimento do 4º Distrito de Porto Alegre. “Esperamos que em 2018 possamos ter os primeiros resultados concretos com estes dois projetos para que Porto Alegre possa ser um grande parque tecnológico”, acrescentou.

Deixe uma resposta

  • *

    Protected by WP Anti Spam
    Trip Advisor

    Confira as avaliações dos hotéis da Rede Plaza de Hotéis

    Central de Reservas

    0800 70 75 292

    Assine nossa newsletter
    © Rede Plaza de Hotéis